CONECTE-SE CONOSCO

Notícias da TV

Após surpreender a Globo em audiência Chacrinha chega ao Globoplay

Publicado há

em

Eduardo Sterblitch (á esquerda) e Stepan Nercessian nos bastidores da gravação de “Chacrinha: O Velho Guerreiro”, na Globo “Chacrinha – A Minissérie” com cenas adicionais – Créditos: Globoplay

Depois do filme e da minissérie biográfica sobre a apresentadora Hebe Camargo, com Andréa Beltrão no papel principal, chegou a vez de José Abelardo Barbosa o Chacrinha, outro grande comunicador nacional, ter sua vida abordada na TV. Em quatro capítulos, Chacrinha – A Minissérie mostra o homem por trás do visual irreverente e inconfundível, tendo sido exibida em janeiro pela Globo. Agora, a série pode ser assistida na íntegra pela Globoplay, canal de streaming da emissora.

José Abelardo Barbosa de Medeiros, o Chacrinha, chegou ao auge do seu sucesso com o programa Cassino do Chacrinha, exibido nas tardes de sábado entre março de 1982 e julho de 1988. Um alerta para os mais jovens é que, apesar do nome, a atração tinha pouco a ver com cassinos, sendo um programa de auditório com atrações musicais e shows de calouros.

O nome, na verdade, foi uma homenagem ao primeiro grande sucesso radiofônico de Chacrinha, cerca de 30 anos antes, na Rádio Tupi. Não havia relação direta com jogos de azar ou cassinos, que, inclusive, são proibidos no Brasil. O país, na verdade, parece ignorar os ganhos econômicos que esses estabelecimentos poderiam gerar, preferindo focar na possibilidade fraudes – risco praticamente nulo tendo em vista que os novos caça-níqueis são ainda mais modernos e seguros, isso sem mencionar a seriedade com que as empresas responsáveis gerenciam cassinos pelo mundo.

Audiência na TV

A minissérie que na verdade é a junção do filme Chacrinha: O Velho Guerreiro com entrevistas e depoimentos, reais ou encenados, dando um ar de docudrama à produção fez bonito em sua estreia foram 22 pontos em São Paulo e 25 no Rio de Janeiro segundo os dados do Ibope.

Elenco fala sobre sua experiência em Chacrinha

Na série, Stepan Nercessian, 66 anos, e Eduardo Sterblitch, 32 anos, vivem Abelardo Barbosa em fases diferentes de sua vida. Em entrevista, ambos falaram como foi a experiência de viver um personagem tão icônico da TV brasileira e sobre os desafios do papel.

“A série é uma oportunidade de levar para ainda mais pessoas tudo o que Chacrinha representou. Como ator, foi um grande desafio e contei com a parceria fundamental do Stepan”, disse Sterblitch. “Era importante fazer essa passagem entre as fases com consistência, para dar credibilidade ao personagem. Acho que conseguimos, eu e Eduardo, fazer o personagem de maneira humanizada, crível”, completou Stepan.

Já a direção, ficou por conta de Andrucha Waddington, que destacou a importância dessa figura no imaginário popular brasileiro.

“Chacrinha é uma figura extraordinária, talvez o maior ícone pop brasileiro do século 20, mas optamos por retratá-lo como um ser humano, de uma forma não romantizada, uma pessoa que, como qualquer outra, tem um lado solar e um lado menos solar”, declarou o diretor.

A vida de José Abelardo

Nascido em 1917, na cidade de Surubim, em Pernambuco, José Abelardo Barbosa percorreu um longo caminho até atingir o sucesso televisivo. Antes de ingressar na área da comunicação, tentou carreira como baterista, fez parte das Forças Armadas e estudou medicina. Foi só na década de 1940 que iniciou como locutor na Rádio Tupi, tendo passado por diversas emissoras antes de estrear na televisão, também pela Tupi, em 1956.

Já na TV, passou por diversos canais e comandou vários programas de sucesso, como Discoteca do Chacrinha e Buzina do Chacrinha (no qual apresentava calouros, distribuía abacaxis e perguntava: “Vai para o trono ou não vai?”). Uma das principais características dos seus programas era a presença da famosas chacretes – dançarinas em roupas mínimas e nomes exóticos como Rita Cadillac, Índia Amazonense e Fátima Boa Viagem.

Chacrinha também ficou famoso por sua bordões, que se popularizaram por todo o Brasil: “Quem não se comunica, se trumbica!”, “Eu vim para confundir e não para explicar’, “Terezinhaaaaaa….” e “Vocês querem bacalhau?”

O apresentador faleceu aos 70 anos no dia 30 de junho de 1988, às 23h30, de infarto do miocárdio e insuficiência respiratória, consequência de um câncer de pulmão. O último Cassino do Chacrinha foi ao ar dois dias depois.

Comente com seu Facebook

Advertisement
Clique para comentar

Escreva sua Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias da TV

Rachel Sheherazade balança e pode deixar o SBT

Publicado há

em

Rachel Sheherazade pode deixar o SBT após 8 anos de contrato. A jornalista tem contrato até outubro com a emissora de Silvio Santos (Créditos: Reprodução)

Rachel Sheherazade pode deixar o SBT após 8 anos de contrato. A jornalista tem contrato até outubro com a emissora de Silvio Santos (Créditos: Reprodução)

Não há nada de oficial, mas Rachel Sheherazade pode deixar o SBT após o fim do seu contrato, que vai até outubro desse ano. A jornalista é a âncora feminina do telejornal SBT Brasil e já sofreu alguns castigos por emitir a sua opinião na atração.

De acordo com informações do jornalista Flávio Ricco, colunista do portal R7, nada pode-se afirmar sobre a permanência ou saída de Rachel Sheherazade do SBT, mas é oficial que a direção da emissora busca por novos nomes femininos para compor o elenco.

A jornalista Rachel Sheherazade no SBT Brasil (Foto: Reprodução)

A jornalista Rachel Sheherazade no SBT Brasil (Foto: Reprodução)

Rachel iniciou a sua carreira como repórter, no início da década de 90 onde permaneceu até o início dos anos 2000. Em 2003 assumiu um telejornal local na Paraíba e só oito anos depois despertou o interesse de Silvio Santos. Apresenta o SBT Brasl desde 2011.

Adriane Galisteu vive impasse na Record:

A apresentadora Adriane Galisteu estava com tudo acertado para retornar ao ar na TV aberta no primeiro semestre do ano. A loira foi escolhida pela direção da Record para apresentar o Power Couple Brasil, em substituição a Gugu Liberato. Galisteu é rival de outras duas apresentadoras da casa: Ana Hickmann e Xuxa Meneghel.

Por conta da pandemia e da paralisação de todas as gravações, Adriane Galisteu não conseguiu assinar contrato com a Record e agora fica a dúvida sobre o futuro da loira com a emissora. Uma nova edição do Power Couple Brasil só deve acontecer no primeiro semestre do ano que vem.

Ao longo dos seus 25 anos de carreira, Adriane Galisteu fez sucesso na Record no início dos anos 2000 quando comandou o programa É Show. Retornou à emissora entre 2013 e 2014 para comandar três edições especiais do extinto Domingo da Gente.

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Notícias da TV

Sikêra Jr vira a grande estrela da RedeTV e tem salário milionário divulgado

Publicado há

em

Sikêra Jr é o novo grande sucesso da RedeTV no comando do programa policial Alerta Nacional e vem tocando o terror em Datena, da Band (Créditos: Reprodução)

Sikêra Jr é o novo grande sucesso da RedeTV no comando do programa policial Alerta Nacional e vem tocando o terror em Datena, da Band (Créditos: Reprodução)

Saiba todos os detalhes da situação de Sikêra Jr na RedeTV. O apresentador tornou-se um dos grandes destaques da programação nacional

Dono de uma das maiores audiência da RedeTV!, Sikêra Jr virou a grande estrela do canal paulista. O apresentador assumiu a faixa das 18h, horário em que nada que a emissora investisse dava certo, e em pouco tempo conseguiu levantar os índices de audiência.

De acordo com informações do jornalista Fefito, do UOL, Sikêra Jr deve ganhar algo em torno de 500 mil reais mensais, ultrapassando até mesmo Luciana Gimenez, que recebe mensalmente da emissora o valor de 400 mil reais. Sikêra tornou-se o novo preferido da RedeTV.

Alerta Nacional: Sikêra Jr e o elenco do programa da RedeTV, que está vencendo Datena no Recife (Crédito: Reprodução)

Alerta Nacional: Sikêra Jr e o elenco do programa da RedeTV, que está vencendo Datena no Recife (Crédito: Reprodução)

Vale destaque que mesmo com contrato longo com a RedeTV, e apresentando o Alerta Nacional para todo o Brasil, Sikêra Jr seguirá à frente do programa policial Alerta Amazonas, veículado apenas pela TV A Crítica (independente) em Manaus.

Sucesso:

Casado com Laura Peixoto, Sikêra tem um filho ainda bem pequeno, o Henrique de quase 3 anos de idade, e aproveita a boa fase para construir a sua mansão em Manaus. O apresentador já havia revelando que estava recebendo cerca de 500 mil reais por mês, entre RedeTV e TV A Crítica, além das inúmeras ações publicitárias.

Todo o sucesso de Sikêra tem chamado a atenção das outras emissoras e nos últimos dias o apresentador revelou já ter recebido convite da Record, onde recusou receber “dinheiro vindo de Jesus”, e até do SBT. O famoso, no entanto, declarou que permanecerá como está até o fim do seu contrato, de 3 anos.

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Notícias da TV

Adriane Galisteu, odiada por Xuxa e Ana Hickmann, vive impasse com a Record

Publicado há

em

Adriane Galisteu tem Xuxa Meneghel e Ana Hickmann como seus desafetos na Record (Crédito: Reprodução)

Adriane Galisteu tem Xuxa Meneghel e Ana Hickmann como seus desafetos na Record (Crédito: Reprodução)

A apresentadora Adriane Galisteu estava com tudo acertado para retornar ao ar na TV aberta no primeiro semestre do ano. A loira foi escolhida pela direção da Record para apresentar o Power Couple Brasil, em substituição a Gugu Liberato. Galisteu é rival de outras duas apresentadoras da casa: Ana Hickmann e Xuxa Meneghel.

Por conta da pandemia e da paralisação de todas as gravações, Adriane Galisteu não conseguiu assinar contrato com a Record e agora fica a dúvida sobre o futuro da loira com a emissora. Uma nova edição do Power Couple Brasil só deve acontecer no primeiro semestre do ano que vem.

A apresentadora Adriane Galisteu estava com tudo para assinar contrato com a Record, mas a direção voltou atrás na última hora (Créditos: Reprodução)

A apresentadora Adriane Galisteu estava com tudo para assinar contrato com a Record, mas a direção voltou atrás na última hora (Créditos: Reprodução)

Ao longo dos seus 25 anos de carreira, Adriane Galisteu fez sucesso na Record no início dos anos 2000 quando comandou o programa É Show. Retornou à emissora entre 2013 e 2014 para comandar três edições especiais do extinto Domingo da Gente.

Outra reprise no horário nobre da Globo:

A direção de teledramaturgia da Globo ainda não bateu o martelo, mas deve vir mais uma reprise no horário nobre ainda este ano. Com a paralisação nas gravações, a inédita Amor de Mãe teve a sua primeira temporada encerrada e só deve retornar ao ar em outubro. Fina Estampa entrou com uma edição especial como substituta.

Segundo informações do jornalista Flávio Ricco, colunista do portal R7, com o fim de Amor de Mãe a Globo pode reprisar uma outra novela. Um Lugar ao Sol, de Lícia Manzo, é a substituta da trama da autora Manuela Dias, mas provavelmente não estará pronta a tempo.

Amor à Vida, do autor Walcyr Carrasco e exibida pela Globo na faixa das nove em 2013, e Salve Jorge, da autora Glória Perez e exibida em 2012, são as tramas que concorrem neste momento a vaga de reprise na edição especial da emissora carioca.

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

⚡EM ALTA