CONECTE-SE CONOSCO

Famosos

Contra apresentadores conhecidos, Sikêra Jr. mostra a que veio e bate novo recorde no Ibope

Publicado há

em

Na noite da última quinta- feira, 26 de março, a Band sofreu uma falha técnica histórica que deixou a emissora fora do ar por mais de vinte minutos a partir das 18h15 e quem se deu bem foi Sikêra Jr..

Enquanto isso, Datena, que estava brigando pela vice- liderança na audiência no comando do Brasil Urgente, saiu subitamente do ar e viu a sua audiência chegar a zero em poucos minutos.

Vale dizer que não foi apenas a atração de Datena que saiu do ar com o apagão inesperado. Todos os canais do grupo Bandeirantes ficou sem sinal.

No horário da falha técnica que arruinou o ibope da Band, Datena estava exibindo uma entrevista com o médico Anthony Wang sobre uma possível descoberta de cura para o novo Coronavírus. Antes do sinal sair completamente do ar, o Brasil Urgente brigava pela vice- liderança par a Band e estava oscilando entre 8,5 e 9 pontos de audiência. Os números estavam animando a produção, pois seria um grande marco para o programa se consolidar no segundo lugar, ficando atrás apenas da Globo no horário.

+ Consolidados: (25/03/2020): Fina cai na audiência, acende alerta e perde mais de 200 mil telespectadores de um dia para o outro

No entanto, tudo mudou e o cenário ficou caótico quando uma falha técnica fez com que a atração saísse do ar.

Quem se deu bem foi Sikêra Jr., novato da RedeTV! Apresentando o Alerta Nacional, o jornalista recebe a audiência em apenas 0,3 pontos e conseguiu uma marca histórica ao elevar o índice para 3,8. Ele foi um dos herdeiros dos telespectadores que estavam ligados no Brasil Urgente e mudaram de canal depois que a Band teve uma queda em seu sinal. Na Grande São Paulo, cada ponto equivale a 73.015 domicílios ou 204.050 indivíduos.

Além de Sikêra Jr, Luiz Bacci, da Record, herdou parte dos telespectadores e saiu dos 11.3 para 13.5 às 18h29, após a queda da Band.

Ao retornar ao ar depois da correção da falha técnica, Datena falou sobre o apagão e deu continuidade ao programa. Datena fez um pronunciamento quando o sinal voltou ao ar. “Nesse tempo todo aqui de pane, foi a primeira vez que isso aconteceu um problema tão grave assim durante a nossa programação. Mas isso acontece, né? Estamos em tempos difíceis e isso a gente tem que encarar como algo da nossa profissão”, disse ele, que se desculpou com os telespectadores após a queda do sinal.

Vale dizer que Datena estava em regime de home office após ser lido liberado pela Band, no entanto, devido a algumas outras falhas técnicas, o apresentador preferiu voltar ao ar diretamente dos estúdios da emissora.

Comente com seu Facebook

Advertisement
Clique para comentar

Escreva sua Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Famosos

CASO MIGUEL: Piovani chora com caso Miguel e reflete: “Nunca me atentei aos privilégios”

Publicado há

em

Luana Piovani foi mais uma celebridade que se mostrou indignada com a morte do menino Miguel, que caiu do 9º andar de um prédio em Recife nesta semana enquanto estava sob os cuidados da patroa de sua mãe. A atriz chorou ao comentar o caso no Instagram.

“Já não sei mais o que dizer. Me sinto estúpida falando em post tem um algum tempo. Nada muda”, escreveu a atriz em uma postagem.

Piovani também se revoltou com as falas de Luisa Nunes Brasil, que afirmou para seus 55 mil seguidores no Instagram que o racismo é “natural” e faz parte de um “instinto de defesa”.

Após dizer que está devastada e criticar a fala de Luisa, pedindo para as pessoas pararem de “fazer idiota de famosos”, Luana desabafou.

“Me sinto impotente, me sinto culpada. Dai eu fico pensando se eu já fiz alguma coisa hoje, se eu fiz alguma coisa hoje para que todas essas coisas diminuam, cessem”.

Ela, que comentou que se abalou com as notícias, disse que tenta se afastar dos acontecimentos, respirar, mas que sabe que essa pode não ser a postura mais correta.

“Eu não posso evitar, tenho que encarar isso. É isso que a sociedade que eu vivo que cria isso quer que eu faça. E por coincidência meus filhos não estão comigo, estão com o Pedro [Scooby]. […] Eu só consigo pensar naquela mãe [do Miguel]”, disse ela ao lembrar do caso.

Piovani, que mora em Portugal, também falou como se sente privilegiada.

“Eu queria falar tanta coisa, mas não to conseguindo. […] Preciso registrar no meu pequeno alcance que eu estou devastada, que vocês todos precisam estar devastados, e sendo antirracista a gente tem que lutar contra os privilégios dos brancos. Eu, apesar de ter 43 anos, e sempre ter achado que eu era atenta, nunca me atentei a tantos privilégios que vivo diariamente e a gente precisa pensar sobre isso”.

A mãe dos gêmeos Bem e Liz, de 4 anos, e Dom, de 7, justificou por que fez o relato nas redes sociais.

“Estou tentando pensar em como ser um pouco mais ativista e vou tentar fazer algumas coisas. Estou dividindo isso com vocês porque você que está me assistindo precisa fazer alguma coisa”, disse, tentando encorajar alguns fãs.

 

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Famosos

CASO MIGUEL: Luisa Mell se dispõe a ajudar mãe de Miguel a pagar um advogado

Publicado há

em

Luisa Mell afirmou que quer ajudar Mirtes Renata, mãe do menino Miguel, de 5 anos, morto após cair do nono andar de um prédio em Recife enquanto era cuidado pela patroa de sua matriarca, Sarí Gaspar Corte Real.

Com uma foto do menino e do prédio onde aconteceu o falecimento dele, a ativista desabafou: “Meu coração está despedaçado com esta tragédia”.

No texto, Luisa pediu ajuda para quem conhecer a mãe do falecido, pois quer pagar um advogado para o caso. “Por favor, quem conhecer a mãe, entre em contato comigo”, afirmou.

A ativista disse também que está indignada com a falta de divulgação do rosto e nome da patroa de Mirtes. “Para meu espanto a polícia e imprensa não estão divulgando o nome dela. Parece que é esposa de político do Estado. Uma vergonha! E se fosse o contrário? Queremos justiça para Miguel. Me ajudem a não deixar esta mulher ficar impune porque é rica e influente”, escreveu.

Luisa ainda comentou sobre quem tem menos condições financeiras.”Eu com todos meus privilégios estou encontrando extrema dificuldade de trabalhar e cuidar do meu filho. Mas como disse, tenho todos os recursos. Agora e quem não tem? Não é um problema só das mães! E? de toda sociedade! Com quem ficarão os filhos das trabalhadoras, sem escolas?”, questionou ela, lembrando das dificuldades em relação à pandemia do coronavírus.

Após pagar a fiança de R$ 20 mil, Sarí foi liberada para responder pelo crime em liberdade provisória.

View this post on Instagram

Meu coração está despedaçado com esta tragédia. Miguel, de apenas 5 aninhos, foi trabalhar com sua mãe, a empregada doméstica Mirtes Renata. Certamente, pq ela foi obrigada a voltar a trabalhar, mas como as escolas e creches estão fechadas n tinha com quem deixar a criança! Pois bem, a patroa mandou sua funcionária ir passear com os cães e ficou de tomar conta da criança. Mas irritada com o choro de uma criancinha assustada ela o colocou no elevador sozinho!!!!! Ele cada vez mais assustado, em busca de sua mãe, parou em um andar sem proteção e ao avistar sua mãe na rua… foi chamá-la e caiu do 9 andar deste condomínio luxuoso em Pernambuco! Imaginem o desespero desta criança! Imaginem a dor de uma mãe!!!! A patroa pagou a fiança de 20 mil reais e está respondendo em liberdade! E para meu espanto a polícia e imprensa n estão divulgando o nome dela. Parece que é esposa de politico do Estado. Uma vergonha! E se fosse o contrário?!? Queremos justiça para Miguel. Por favor, quem conhecer a mãe, entre em contato comigo. Quero ajudar a pagar um advogado para o caso. Me ajudem a não deixar esta mulher ficar impune pq é rica e influente. E aproveito para perguntar para nossos governantes: As mães estão tendo que voltar a trabalhar, MAS AS ESCOLAS e CRECHES estão fechadas sei lá até qd! Vão deixar as crianças com quem?!?? Eu com todos meus privilégios, estou encontrando extrema dificuldade de trabalhar e cuidar do meu filho. Mas como disse, tenho todos os recursos. Agora e quem n tem?!?? Não é um problema só das mães! É de toda sociedade! Com quem ficarão os filhos das trabalhadoras, sem escolas?!!?? #justiçaparamiguel

A post shared by Luisa mell (@luisamell) on

 

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Famosos

CASO MIGUEL: Thiaguinho diz que chorou ao ouvir mãe de Miguel: ‘Dor e revolta’

Publicado há

em

O cantor Thiaguinho se manifestou hoje no Instagram sobre a morte do menino Miguel Otávio Santana da Silva, 5 anos, ao cair o nono andar de um prédio em Recife (PE). O artista disse ter visto uma entrevista de Mirtes Renata Souza, mãe do menino, e afirma que chorou com o depoimento.

O artista disse não estar bem. “Meu povo preto sendo tratado com diferença ainda. Por que ainda? Eu estou cansado disso, desde que eu era o Miguel. São tantas coisas inadmissíveis. (…) Vamos entender de uma vez por todas que precisamos falar sobre racismo no Brasil? Porque ele existe, só não vê quem não quer. Não somos tratados iguais. Não temos as mesmas oportunidades”, escreveu.

Se dirigindo à mãe do menino, acrescentou: “Acabei de te ver falar. Chorei contigo! Sinto sua dor! Minha família sente sua dor… Meu povo sente sua dor. Espero que a morte do seu filho não fique impune! E que a justiça dos homens entenda que não é normal colocar uma criança de cinco anos sozinha no elevador para ela procurar pela mãe”.

A publicação teve o apoio de fãs e famosos. “Dói demais”, respondeu Preta Gil. “Chorei com Mirtes também. Que dor, meu Deus! Agarrei forte meu filho. Minha sanidade mental está por um fio”, comentou a atriz Pathy de Jesus.

“Impossível estar bem, impossível não chorar com essa mãe, impossível continuar aceitando que o nosso povo continue pagando com a própria vida o preço de uma sociedade absolutamente racista”, acrescentou a atriz Aretha Oliveira.

Mirtes, mãe de Miguel, participou hoje do programa “Encontro com Fátima Bernardes” e deu seu relato da morte do filho. A apresentadora se emocionou e disse: “Que seu coração fique em paz pelo menino feliz que você teve com você. E tenha certeza que muitas lágrimas e orações estão se juntando às suas”.

Miguel morreu na tarde de terça-feira (2), enquanto acompanhava a mãe no trabalho. Mirtes era funcionária do prefeito do município de Tamandaré (PE), Sérgio Hacker (PSB), e sua mulher, Sarí Mariana Gaspar da Corte Real. A patroa da mãe do garoto estava responsável pelo garoto quando o acidente aconteceu.

View this post on Instagram

E se fosse ao contrário? Hein? . Toda hora alguém pergunta se eu to bem… NÃO! Não to bem! Tem como estar??? Um momento difícil como esse no mundo todo… Um vírus varrendo o mundo e matando pessoas todos os dias… Amigos passando por problemas financeiros e emocionais… . E meu povo preto sendo tratado com diferença ainda… Porque ainda? Porque eu to cansado disso! Desde que eu era o MIGUEL… São tantas coisas inadmissíveis… E aí vejo vários posts aqui na internet, mas e POSTURA? Vamos entender de uma vez por todas que precisamos falar sobre RACISMO NO BRASIL? Porque ele existe, tá… Só não vê quem não quer. Não somos tratados iguais. Não temos as mesmas oportunidades. Enfim… . Mirtes… Acabei de te ver falar… Chorei contigo! Sinto sua dor! Minha família sente sua dor… Meu povo sente sua dor. Espero que a morte do seu filho não fique impune! E que a justiça dos homens entenda que não é normal colocar uma criança de 5 anos sozinha no elevador para ela procurar pela mãe… Mas eu creio na justiça de DEUS! Sempre! . Sempre uso essa frase em momentos felizes da minha vida e dos meus shows… Dessa vez, vou escrever com DOR e REVOLTA… . Que momento. 😢😔

A post shared by Thiaguinho (@thbarbosa) on

 

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

⚡EM ALTA