CONECTE-SE CONOSCO

Notícias da TV

Globo ignora autor e desvaloriza suas novelas no Globoplay

Publicado há

em

Carlos Lombardi foi resposável por tramas de grande sucesso na Rede Globo. (Foto: Reprodução)

Afim de brigar com Netflix, Amazon e Apple, a Globoplay vai aumentar a sua lista de conteúdo, incluindo cerca de 81 novelas, mas um autor não foi valorizado nessa nova leva de produções.

A Rede Globo decidiu colocar mais 81 novelas em sua lista do GloboPlay para brigar com Amazon, Apple e Netflix. Mas dentre as diversas tramas que foram acrescentadas, nenhuma delas é do autor Carlos Lombardi.

A lista tem tramas como Passione, Babilônia, Celebridade, Morde e Assopra, O Astro, Flor do Caribe, Cobras e Lagartos, O profeta, Além do Horizonte, Anjo Mal e até a temporada de 2010 de malhação, mas as tramas de Lombardi como Kubanacan, Uga Uga, Pé na Jaca, Quintos dos infernos, Bang Bang, Quatro por Quatro e Vira Lata não estão o catálogo do Streaming da emissora carioca.

Daniele Winits, Vladimir Brischta, Adriana Esteves e Marcos Pasquim foram os protagonistas de Kubanacan em 2003 (Foto:Reprodução/Acervo Globo)

Carlos Lombardi é um autor renomado e de grande importância para a televisão brasileira, quando estava na Globo era sempre chamado para salvar as novelas que iam de mal a pior. Foi o que aconteceu com Coração de Estudante em 2002, escrita por Emanuel Jacobina, a trama estava caindo de forma bastante significativa na audiência, então Lombardi foi chamado, assumiu a trama por alguns capítulos e conseguiu levanta-la.

Em 2005 Mario Prata abandonou Bang Bang por não suportar as críticas e a baixa audiência da trama, Carlos Lombardi foi urgentemente chamado para tentar salvar a trama, a última vez que ele foi chamado foi em 2009, quando Gloria Perez precisou se afastar de Caminhos das Índias para cuidar de câncer.

 

Bruno Garcia, Fernanda Lima e Marcos Pasquim foram os protagonistas de Bang Bang em 2005 (Foto: Reprodução/ Acervo Globo)

Será que há algum problema entre a casa e o autor que nós não sabemos? Será a sua ida para a Record fez a Globo fingir que Lombardi nunca existiu em sua casa? Vale lembrar que a apresentadora Xuxa disse a Léo Dias em entrevista que recebeu um aviso da emissora que quando ela saísse, se assinasse com a Recordtv teria todas as portas fechadas literalmente na casa, será que o mesmo aconteceu com o consagrado Carlos Lombardi?

Comente com seu Facebook

Advertisement
CLIQUE PARA COMENTAR

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Notícias da TV

CNN Brasil quer tirar Ernesto Paglia da Globo

Publicado há

em

Ernesto Paglia está sendo sondado pela CNN (Foto: Reprodução)

Ernesto Paglia está sendo sondado pela CNN (Foto: Reprodução)

CNN Brasil mostrou que chegou ao Brasil pronta pra montar uma equipe de peso, e está disposta a tirar jornalistas de suas emissoras, sejam ela qual for. Com isso, está estudando fazer uma proposta ao renomeado jornalista e apresentador Ernesto Paglia para que ele passe a compor o já numeroso casting do canal.

Caso isso seja possível, a emissora comandada por Douglas Tavolaro e Rubens Menin ganharia pontos com a apresentadora Sandra Annenberg, pois só assim ela poderia aceitar o convite da CNN, e enfim deixar a Globo, onde está insatisfeita, e trabalharia ao lado do marido.

A experiência de Ernesto Paglia é incontestável e estaria acima de todos os outros que já foram contratados pela emissora, exceto William Waack, seu ex-colega da Globo.

Ernesto Paglia está sendo sondado pela CNN (Foto: Reprodução)

Ernesto Paglia e sua esposa Sandra Annenberg estão sendo sondados pela CNN (Foto: Reprodução)

Ernesto Paglia pode ser o grande comandante de reportagens especiais se a direção da CNN não quiser aproveitá-lo em todo seu potencial, ou o canal pode colocá-lo à frente de um projeto solo para fazê-lo brilhar diante de todo seu talento.

Ernesto Paglia é formando em jornalismo pela ECA-USP, e iniciou sua carreira em 1979 como repórter da Rádio Jovem Pan em São Paulo. Cobriu a Copa do Mundo da Espanha em 1982, apesar do Futebol não ser a sua praia, ele ainda cobriu outras Copas como no México (1986), Itália (1990), EUA (1994), Japão/Coreia (2002), Alemanha (2006), África do Sul (2010) e Brasil (2014).

Em 1986 Paglia, aos 27 anos de idade foi enviado para Londres como correspondente internacional, depois foi enviado para Bagdá e cobriu o conflito do Irá-Iraque, até 1989.

Por cinco vezes (2004, 2007, 2009, 2011, 2017) recebeu o título de “Mestre do Jornalismo” pelo prêmio Comunique-se. Em 2011 lançou o livro “ Diario de Bordo – JN no ar – Cruzando o País Numa Cobertura Histórica”, pela editora Globo.

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Notícias da TV

Autora Cristianne Fridman fala de governo Bolsonaro

Publicado há

em

Cristianne Fridman, autora de novelas da Record falou sobre Amor Sem Igual (Foto: Reprodução)

Cristianne Fridman, autora de novelas da Record falou sobre Amor Sem Igual (Foto: Reprodução)

A autora Cristianne Fridman confessou que a Record nunca fez cobrança de audiência aos autores da casa. A escritora de Amor Sem Igual, novela que estreia nesta terça-feira (10), às 20h30, revelou que tem total liberdade em suas novelas, embora tenha consciência sobre temas que possam ser abordados em determinado horários.

“A Record nunca cobrou audiência de autor. Nunca disse pra eu fazer isso ou aquilo. Eu não tenho a menor preocupação – é claro que tenho, por ser nosso mercado de trabalho -, mas eu acho incrível a Record estar produzindo novela em um país que está acabando com tudo”, disse.

Cristianne aproveitou o momento para dar sua opinião sobre o Governo Federal, comandado pelo presidente Jair Bolsonaro. “Novela brasileira também é cultura, também é arte e estamos com um governo aí que está destruindo tudo“, falou.

Cena da Topíssima, atual trama inédita da Record. (Foto:Reprodução)

Cena da Topíssima, foi a última trama escrita por Cristianne antes de Amor Sem Igual . (Foto:Reprodução)

E você ter uma emissora como a Record, que está abrindo mais um horário de novelas, produzindo, gerando empregos, pois uma novela gera empregos pra mim, pra moça do café. Não é só falar bem da novela só porque estamos produzindo, mas temos que dar um reconhecimento e um incentivo a isso, pois se não, ficaremos comprando e traduzindo enlatados, deixando uma novela de 500 mil capítulos no ar. Isso não é legal, isso traduz um conceito de que no Brasil, temos que se posicionar e fazer perder [a cultura de consumir produtos estrangeiros], pois não teremos cinema brasileiro, teatro – a situação do teatro brasileiro está muito triste – e daqui a pouco, isso vai atingir a teledramaturgia e isso não pode”, desabafou Fridman.

Cristianne Fridman também comentou sobre a influência de Cristiane Cardoso em sua novela. “Ela é supervisora de texto e ela, às vezes, dá um pitaco. A proposta de fazer uma protagonista garota de programa foi dela. Alguém me perguntou se eu tive dificuldade em convencer a emissora para fazer tal temática? Eu disse que não, porque tinha sido a própria [Cristiane Cardoso] que tinha feito tal proposta”, revelou.

Toda supervisão entre um autor e um supervisor tem pontos positivos e discordantes, pois se interferirem em seu texto, você vai ficar desconfortável, mas eu não acho ruim. Eu acho que há interferências muito boas e, pela pressa que estamos fazendo, é sempre bom contar com um apoio”, continuou

Cristianne ainda contou que não esperava essa aceitação da Record. “Não esperava, não, essa aceitação da temática”, finalizou.

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Notícias da TV

Eduardo Dussek comente garfe ao vivo no Popstar

Publicado há

em

O cantor Eduardo Dusseck passou vergonha no programa PopStar do último domingo (8) e a apresentadora Taís Araújo contornou (Foto: Reprodução/Rede Globo)

O cantor Eduardo Dussek comentou uma garfe que acabou em uma leve confusão no programa PopStar, da Rede Globo, no último domingo (8). O jurado estava avaliando a performance do ator Robson Nunes, porém,  sem perceber, encostou no botão errado.

“Impressionante como ele está juntando as partes dele. Você é um ótimo apresentador, em primeiro lugar. Foi um ator bom no cinema. E eu sentia que você não jogava toda sua força para cantar. E eu falava ‘Tem um vozerão escondido aí dentro, que ele tá tímido ainda’. E você me surpreendeu agora, eu tô aos seus pés. Nota 10”, afirmou Eduardo.

A apresentadora Taís Araújo, logo, tratou de corrigir o jurado. Ela contou para ele que, na verdade, acabou dando uma nota 9,7. “Não! Dussek, você deu dez, mas apertou 9,7. Eu vi que você encostou na hora que você foi falar”, comentou Taís.

Robson Nunes é um dos participantes do PopStar da Rede Globo (Foto: Reprodução/Rede Globo)

“Ah, foi meu ombro. E agora? Quanto é que eu pago de multa? Me dá sua conta bancária”, brincou o cantor, que ficou visivelmente sem graça.

Após a situação, Robson foi elegante e Taís como sempre mostrou bom humor. “O dez foi de coração”, afirmou o competidor, que somou 30,46 pontos.

“Na próxima tu tá devendo três décimos para ele”, disparou Taís Araújo. “Você me dá sua conta bancária”, pediu Dussek, em tom de bom humor, prometendo depositar dinheiro na conta dele.

Veja a reação das redes sociais:

 

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

⚡EM ALTA