Connect with us

Amor de Mãe

Opinião: Amor de Mãe se adapta bem a pandemia e Globo dá aula

Published

on

Amor de Mãe voltou com muitas mudanças. (Foto: Reprodução)

O retorno de Amor de Mãe nesta segunda-feira (14) marcou o “início” de uma trama inédita na Rede Globo, maior emissora de tv aberta no país, após um ano de pausa. Em março do ano passado, a história escrita por Manuela Dias foi paralisada – bem como a trama das 19h, Salve-se Quem Puder – devido a impossibilidade de ser gravada em meio a pandemia.

Entre o exibir de reprises e a adaptação de protocolos, a novela voltou aos estúdios em agosto do ano passado, com diversas adaptações. Menos capítulos, menos tramas, menos personagens e muito, muito cuidado. Foi com essa toada que a Globo exibiu o primeiro dos 23 episódios preparados para encerrar a história de Lurdes (Regina Casé) e Domênico (Chay Suede).

E do primeiro ao último minuto, foi possível perceber que a Globo fez de tudo para conseguir manter a qualidade da trama ao mesmo tempo em teve o cuidado de seguir os protocolos. Os personagens estavam usando máscaras nas (poucas) cenas externas, havia distanciamento mesmo em cenas internas e beijos e abraços não existiram em momento algum. As placas de acrílico usadas para separar os atores em cena foram removidas digitalmente e em momento algum apareceram.

+ Carla Cecato, afastada da Record, faz relato chocante

Ao mesmo tempo, a pandemia de Covid-19 assumiu um papel como quase um personagem. Seja em cenas com Lurdes “ensinando” como usar a máscara corretamente ou algum dos seus filhos reclamando para que a protagonista ficasse em casa, Manuela Dias assumiu um papel de “marketing social” ao pedir ao público que tenha cada vez mais cuidados. É engraçado pensar, contudo, que quando os capítulos foram escritos, o país ainda não vivia a segunda onda que hoje assola todos os estados.

A autora de Amor de Mãe também aproveitou o capítulo de retorno para pincelar algumas tramas futuras, como a volta de Betina aos hospitais. Ao mesmo tempo, usou de pequenos momentos para mostrar situações que se tornaram rotineiras durante a pandemia, como a super lotação em hospitais e o trabalho remoto – adotado na PWA, empresa comandada por Murilo Benício.

Amor de Mãe acelera

No que tange a história, Manuela Dias claramente precisou acelerar o passo. Com isso, dois personagens já foram mortos neste primeiro capítulo da fase final e a trama de Lurdes/Danilo já começa a avançar, bem como a vilania de Thelma. Alguns desenvolvimentos foram pulados (como o fato de Betina e Sandro já estarem morando juntos) e a palavra de ordem parece ser agilidade.

Ao abrir seu capítulo com ruas vazias e uma narração sobre o vírus mortal, Manuela Dias mostrou exatamente qual será o tom dessa segunda: um registro do que vem acontecendo no país (seja na forma de se fazer a novela, seja na história) e uma boa teledramaturgia. E a Globo, mais uma vez, deu aula de como se fazer um produto.

Comente com seu Facebook

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Amor de Mãe

Amor de Mãe se despede com final apressado, mas satisfatório, e esperança de dias melhores

Published

on

Amor de Mãe chegou ao fim nesta sexta-feira, dia 09 de abril. (Foto: Divulgação)

Amor de Mãe chegou ao fim nesta sexta-feira, dia 09 de abril. (Foto: Divulgação)

Chegou ao fim nesta sexta (09) a saga de Amor de Mãe. A primeira novela de Manuela Dias (autora da aclamada minissérie Justiça) estreou em 2019, carregada de expectativas e com muitas promessas de apresentar uma trama inovadora e orgânica, mas que não fugisse do estilo novelão. E, em sua essência, foi exatamente isso que a história de Lurdes (Regina Casé) e Domênico/Danilo (Chay Suede) foi: Um novelão à moda antiga.

Contudo, não sem percalços. No meio do caminho, havia uma pandemia. A cerca de 50 e tantos capítulos de seu final, Amor de Mãe precisou ser paralisada no momento em que todo o mundo precisou parar. E foi assim que a novela, reduzida, ganhou apenas mais 23 capítulos para encerrar sua trama.

Essa pressa, que marcou toda a segunda parte da exibição da trama (estes 23 capítulos), também foi vista neste último capítulo. Sem tempo para desenvolver as histórias de seus personagens com a calma e a atenção que elas mereciam, Manuela Dias precisou apenas pincelar algumas histórias: a verdadeira mãe de Thiago, a história de amor de Sandro e Betina, o futuro de Leila e Penha… Todas foram tramas que ganharam apenas uma ou duas cenas neste derradeiro final.

Lacombe é afastado da RedeTV

Outros personagens, como Marina, sequer apareceram. Ou apareceram e tiveram quase nenhuma participação, como Lídia. Para finalizar à altura a trama que começou a contar há dois anos, Manuela precisou voltar as atenções para o que todos queriam ver: o desfecho do novelo entre Lurdes, Danilo e Thelma. E a autora, há que se dizer, conseguiu encerrar bem seu arco principal.

Mesmo recorrendo aos básicos clichês de uma telenovela em reta final, como o sequestro de um personagem (no caso, Caio, bebê de colo filho de Danilo e Camila), Amor de Mãe conseguiu convencer por já tratar a loucura de Thelma, a vilã desta reta final, como algo que desabrochou ante a possibilidade de perder Danilo. Assim, ficou fácil comprar tanto o sequestro quanto o desfecho aqui apresentado: a ligação dela para o filho no momento em que sente que está prestes a morrer.

E, tanto neste momento quanto em outros, é fácil entender porque, mesmo exigindo uma boa dose de boa vontade para certos momentos, a novela funcionou: A força de seus atores. Se Regina Casé foi a dona dos capítulos de terça e quarta com o encontro de Lurdes e Danilo, Adriana Esteves e Chay Suede estavam em estado de graça e dominaram a cena neste final. Seja no encontro no hotel ou na última conversa à beira de uma cama de hospital, os dois transmitiram toda a emoção e verdade que as sequências pediam.

Destaco, principalmente, o momento em que Danilo resgata Caio e vê Thelma, ao chão, implorando por sua atenção. Mesmo com uma máscara no rosto, o ator conseguiu passar apenas com um olhar o ódio e o desprezo que sentia pela mãe de criação após descobrir os crimes cometidos por ela.

Amor de Mãe e covid: um sopro de esperança

Manuela Dias reservou os minutos finais de sua história, contudo, para entregar ao telespectador um pouco de esperança. Em uma sequência a céu aberto após uma passagem de tempo, vemos os personagens abraçados e comentando que a pandemia no mundo está finalmente controlada. Metade da população está vacinada e ninguém usa mais máscara.

Parece um futuro surreal e inalcançável de ser atingido, especialmente em um momento em que o Brasil enfrenta a pior fase da pandemia. Porém, é, ao mesmo tempo, a promessa de que dias melhores virão. Só basta esperamos. É um pouco sonhador? Talvez.

Mas essa é a função da novela. Fazer sonhar e desconectar o público, ao menos um pouco de sua realidade. E, nisso, Manuela Dias foi exemplar.

Entre altos e baixos (mais altos do que baixos), Amor de Mãe sai de cena com um gostinho agridoce de que as coisas poderiam ter sido melhor trabalhadas se houvessem mais capítulos, mas, ao mesmo, com a sensação de dever cumprido. Seja bem vinda ao mundo dos novelistas, Manuela Dias.

Comente com seu Facebook

Continue Reading

Amor de Mãe

Amor de Mãe causa polêmica interna na Globo; confira

Published

on

Elenco de Amor de Mãe reclama de cortes na edição final. (Foto: Reprodução)

Elenco de Amor de Mãe reclama de cortes na edição final. (Foto: Reprodução)

Pausada durante a pandemia, Amor de Mãe, atual novela das 21h com fim marcado para a próxima sexta (09), tem causado uma pequena polêmica em seus bastidores, de acordo com o portal NaTelinha. A “confusão” diz respeito a um pequeno mal estar gerado devido a diversas cenas que foram gravadas durante a pandemia não terem chegado à TV no trabalho final.

Segundo a publicação, algumas histórias foram completamente descartadas, ao passo que outras não usaram todas as sequências filmadas. A insatisfação do elenco, então, reside no fato de que se colocaram em risco para a rodagem das mesmas durante a pandemia e elas, agora, foram deixadas de lado.

+ Xuxa, Mara Maravilha e mais; apresentadoras que não são amigas

Não se sabe exatamente quais núcleos tiveram momentos não levados à exibição após o corte final, mas a situação envolve de atores coadjuvantes à veteranos. A emissora não se posicionou sobre o caso, que vem sendo alvo de reclamações internas.

A novela de Manuela Dias já precisou ser reescrita para adaptar a trama restante ao número menor de capítulos. Dos 155 previstos, a novela fechará sua exibição com apenas 125. Com o último capítulo previsto para ir ao ar nesta sexta (09), a segunda fase da trama – gravada durante a pandemia – teve apenas 23 capítulos, obrigando a autora a adaptar sua história.

Autora de Amor de Mãe abre o jogo sobre a novela: “Quatro anos escrevendo”

A saga da novela Amor de Mãe está chegando ao fim. De antemão, vale lembrar que por conta da pandemia, a trama acabou muito prejudicada. Quase um ano fora do ar por conta da pandemia, o folhetim da TV Globo está finalmente terminando. No Twitter, a autora Manuela Dias contou sobre o fim da trama.

+ Logo depois, veja: Sílvio Santos estipula prazo para reação do Vem Pra Cá

+ Em seguida, leia: Globo defende Casagrande após o comentarista criticar a continuidade do futebol na pandemia

No texto que compartilhou publicamente, Manuela abriu o jogo sobre o tempo que ficou na escrevendo a novela: “São 24 anos de Globo. 4 anos escrevendo Amor De Mãe, entre sinopse e capítulo final no ar”.

Em seguida, a autora de Amor de Mãe ainda fez questão de detalhar os sentimentos dessa jornada: “Foi intenso, tenso, difícil, lindo, cansativo, renovador… errei, acertei, aprendi. Foram 4.500 páginas escritas. 3 bíblias. Longa jornada chegando ao fim essa semana”.

Tuíte de Manuela Dias (Foto: Reprodução)

Tuíte de Manuela Dias (Foto: Reprodução)

Comente com seu Facebook

Continue Reading

Amor de Mãe

Autora de Amor de Mãe abre o jogo sobre a novela: “Quatro anos escrevendo”

Published

on

Manuela Dias, autora de Amor de Mãe faz declaração no twitter (Foto: Reprodução)

Manuela Dias, autora de Amor de Mãe faz declaração no twitter (Foto: Reprodução)

A saga da novela Amor de Mãe está chegando ao fim. De antemão, vale lembrar que por conta da pandemia, a trama acabou muito prejudicada. Quase um ano fora do ar por conta da pandemia, o folhetim da TV Globo está finalmente terminando. No Twitter, a autora Manuela Dias contou sobre o fim da trama.

+ Logo depois, veja: Sílvio Santos estipula prazo para reação do Vem Pra Cá

+ Em seguida, leia: Globo defende Casagrande após o comentarista criticar a continuidade do futebol na pandemia

No texto que compartilhou publicamente, Manuela abriu o jogo sobre o tempo que ficou na escrevendo a novela: “São 24 anos de Globo. 4 anos escrevendo Amor De Mãe, entre sinopse e capítulo final no ar”.

Em seguida, a autora de Amor de Mãe ainda fez questão de detalhar os sentimentos dessa jornada: “Foi intenso, tenso, difícil, lindo, cansativo, renovador… errei, acertei, aprendi. Foram 4.500 páginas escritas. 3 bíblias. Longa jornada chegando ao fim essa semana”.

Tuíte de Manuela Dias (Foto: Reprodução)

Tuíte de Manuela Dias (Foto: Reprodução)

Amor de Mãe exagerou na temática Covid-19?

Vale lembrar que a princípio, a trama finalizaria em 2020. Por conta da pandemia, muita coisa mudou. Amor de Mãe passou por uma pausa de quase um ano e voltou em 2021. Nas redes sociais, alguns telespectadores reclamaram do excesso do contexto “Covid-19”.

A novela global acabou incorporando a pandemia em seu contexto cênico e agora segue para seus últimos capítulos. Mesmo aproveitando a temática para conscientizar a população, muitos viram que Amor de Mãe, teria perdido o rumo na história ao focar em temas secundários.

Por fim, entre os que aprovaram a trama e também com aqueles que desistiram depois deste um ano fora do ar, Amor de Mãe seguirá com cenas históricas que sempre serão lembradas. Até por que, no futuro, ao rever as imagens do atores de máscara, ficará o sentimento do que estamos vivendo.

Lurdes (Regina Casé) em cena na novela Amor de Mãe, da Globo (Créditos: Reprodução)

Lurdes (Regina Casé) em cena na novela da Globo (Créditos: Reprodução)

Comente com seu Facebook

Continue Reading

⚡EM ALTA