CONECTE-SE CONOSCO

Famosos

Perfil de Mara Maravilha: de fenômeno infantil à apresentadora do Fofocalizando

Publicado há

em

Mara Maravilha em ensaio para OCanal (Foto: Lailson Santos/OCanal)


É honra que O Canal traz a segunda edição da coluna “Perfil” com o ícone dos anos 80 e atual figura polêmica nas telinhas: Mara Maravilha. Para essa superprodução, além de contar a trajetória da famosa, vocês poderão conferir uma entrevista e ensaio fotográfico exclusivos. Confira também a primeira edição do quadro, com a jornalista Carol Aguaidas.
A entrevista, assim como o ensaio aconteceu na realizado na Casa Miracolli, edificação considerada uma referência em beleza e bem-estar, ressinto de festas privadas das principais celebridades brasileiras. Já os clicks do ensaio foram feitos sob o olhar do fotógrafo Lailson Santos e tratadas por Naur Cavalcante. Nomes como Gisele Bündchen, Ana Hickmann, Sabrina Sato, entre outros já passaram pelas lentes da fotógrafo com tratamento deimagem feito por naur Cavalcante. Para que o ensaio se tornasse inesquecível, a musa teve um penteado feito pelo famoso hair stylist Anderson Santos.
Para finalizar, Mara ainda foi presenteada com um prato inspirado nela na famosa. Intitulado “Maravilha”, a chef Flordinice Rodrigues, especialista em comidas nordestinas preparou uma receita que mostra a essência da apresentadora baiana.

Para quem ficou curioso, na próxima terça-feira, 20, o vídeo com a musa provando a receita exclusiva será lançado, e no dia seguinte, o passo a passo estará disponível para todos.

Perfil

De fenômeno infantil dos anos 1980, a cantora gospel, Mara Maravilha tem uma trajetória de respeito no mundo do entretenimento brasileiro e é atualmente uma das figuras mais polêmicas da TV aberta. Ao longos fez parte do imaginário de crianças, surpreendeu o Brasil e acumulou inimizades.
Eliamary Silva da Silveira, que posteriormente ficou conhecida em todo o Brasil com o nome artístico de Mara Maravilha nasceu em 6 de março de 1968, na cidade de Itapetinga (BA). Com carreira meteórica, ainda menina, ela chamou atenção de Silvio Santos, que a convidou para participar de programas da grade do SBT.

Show Maravilha foi ao ar no SBT entre 1987 a 1994 (Foto: Divulgação)


Mas foi comandando o “Show Maravilha”, que Mara explodiu. O programa infantil de auditório ficou ao ar entre 1987 a 1994. Foi durante o auge do sucesso, que em 1990, que Mara chocou o Brasil pela primeira vez: ela posou nua e foi capa da revista Playboy.
Em 1994, a apresentadora resolveu deixar o SBT e tentar a carreira internacional, passando a comandar o “Show Mara Maravilha” na Argentina. Outra mudança importante na vida de Mara, foi quando ela foi convertida à Igreja Universal. Logo após ela deu um tempo em sua carreira televisiva e abriu um escritório em São Paulo, além de se dedicar à música gospel.
Anos depois, ressurgiu na Record, mas sem alcançar a mesma repercussão. Ela chegou a comandar os programas infantis Mara Maravilha Show e Mundo Maravilha, além dos “adultos” A Noite É Nossa e Gospel Line. Nesta época, era mais famosa como cantora gospel do que como apresentadora.

Mara Maravilha participou da A Fazenda em 2015


Sem espaço fixo na televisão, Mara se tornou convidada de programas populares, normalmente no intuito de disparar opiniões controversas. Assim, a artista deixou de lado a porção infantil para se tornar uma persona “polêmica”. Foi assim que conquistou uma vaga em A Fazenda e, posteriormente, no Fofocalizando.
Além de lhe dar uma vaga no Fofocalizando, Mara também ganhou espaço no Programa Silvio Santos, onde passou a participar do Jogo dos Pontinhos. Fazendo jus à personalidade forte. Com as opiniões fortes, ela acabou colecionando inimizades e dando lenha pra mídia, repercutindo frases com teor discriminatório.
O mesmo aconteceu no programa de fofocas do SBT, sendo afastada e recentemente voltou, mas não se sabe por quanto tempo.

Polêmicas

Essa persona polêmica de Mara começou a ficar mais evidente na televisão após sua participação no reality show A Fazenda, quando ela teve uma passagem conturbada pelo reality show da Record, em 2015. Durante o confinamento, Mara chegou a ser indicada à roça oito vezes, brigou com Thiago Servo e foi eliminada, depois de agredir Douglas Sampaio, que posteriormente venceria o programa.

Mara Maravilha durante sua passagem no Fofocalizando. (Foto: Divulgação/SBT)


Já no Fofocalizando, ela colecionou opiniões polêmicas e brigas até mesmo com colegas de banca. A maior delas foi com Léo Dias. O apresentador, após ser interrompido por Mara, ficou visivelmente irritado e começou a alfinetá-la chamando-a de “dona da razão”. O clima então ficou ainda mais tempo, quando Mara começou a chorar.
Depois que a famosa foi afastada do programa, para não deixar dúvidas, Leo Dias reforçou o desafeto entre eles, quando declarou: “Hoje eu estou muito feliz no SBT. Agora eu olho para trás e vejo o quão ruim era o clima no Fofocalizando. A laranja podre foi retirada. Se aquele ambiente de trabalho voltar a existir, eu prefiro deixar o programa. Pela minha saúde mental”, afirmou.
Outro momento tenso com outro colega de bancada foi com o experiente Décio Piccinini. O desentendimento aconteceu enquanto o apresentador comentava o caso do youtuber Júlio Cocielo, alvo de críticas por comentários racistas em suas redes sociais.
Ele pode até ter colocado em tópicos e está falando em cada um. Eu acredito na sinceridade“, afirmou Décio, interrompendo-se ao notar que Mara fazia gestos de reprovação e deboche bem ao seu lado.
Irritado, ele não se conteve: “Mara, você pode fazer o que você quiser, que gruda ou que não gruda, eu quero que você e suas convicções fiquem juntas e longe de mim. Vá pro inferno!“. A apresentadora, por sua vez, fez questão de rebatê-lo. “Tá vendo, gente, que cabelo branco não corresponde que a pessoa evolui? Às vezes o tempo passa e a pessoa vai só vai regredindo“, debochou.
Fora a briga com colegas de bancada, a apresentadora também faz comentários no programa que incomodaram muita gente. Um dos casos mais marcantes foi quando Mora fez comentários a respeito da personagem da novela “A Força do Querer”, Ivana (Carol Duarte), uma jovem em processo de transição de gênero.
Deus fez Adão e Eva. Agora é Adão e Ivo. Tem que respeitar. Mas pra procriar ainda é homem com mulher e mulher com homem“, comentou.
Após ser alvo de uma enxurrada de críticas nas redes sociais por seu parecer sobre o assunto, Mara tentou se retratar alguns dias depois. “Chorei muito de ontem para hoje. Se eu ofendi, me perdoem. Minha intenção é ser sincera com meus pensamentos. Não sou homofóbica“, defendeu-se, no ar.

Religião

Talvez um dos motivos de grande parte das polêmicas esteja o fato de sua crença. Mara se intitula como cristã e inclusive, fez sucesso por muitos anos em sua carreira como cantora gospel. Em sua participação no reality A Fazenda, da Record, ela causou com alguns de seus comentários, o que mais chamou a atenção, foi quando ela declarou: “Ser evangélica não é bom para carreira artística“.
Depois da polêmica, ela se justificou, explicando o comentário. “O estereótipo que não é bom pra ninguém”, afirmou ela ao site 180 graus.
Além dessa, Mara fez outras declarações bastante polêmicas, como dizer que “a mulher é submissa ao homem”. “Eu creio que sim! O homem é o cabeça, quem tem que decidir, porque a submissão não é uma escravidão e, sim, um conforto. Não acho errado a mulher querer ter a sua independência financeira, mas tem que ser submissa, disse ao iG.

Mesmo envolta a tantas polêmicas, a apresentadora segue cheia de objetivos e 100% focada na carreira. Em entrevista exclusiva para O Canal, Mara comenta sobre os novos projetos, objetivos na TV e na música, além de falar sobre a vida. Confira na íntegra abaixo:

O Canal: um dos assuntos mais comentados com relação a você, na última semana, foi sua volta ao Focalizando, após um tempo fora. Tem alguma diferença entre a Mara que saiu do programa àquela época e a que voltou agora?
Mara: “Bora jogar a real! O meu sonho era voltar ao SBT e agora meu lema é: manda que eu obedeço. Se é para ficar no Fofocalizando, como sempre, vou ser artilheira, tô ali para marcar gol. Eu amo muito estar do lado do Silvio Santos. Seja no jogo dos Pontinhos, no programa Dono do Trono, com as crianças. Sou profissional, meu nome é Mara, meu sobrenome é Maravilha, mas pode me chamar de sucesso de audiência também”, exclamou.

O Canal: você está presente na TV há décadas e já participou de muitos programas. Conta pra gente. Tem algum tipo de formato ou conteúdo que você ainda não participou e que tem vontade?

Mara: “Tenho muitos sonhos, objetivos, sou águia, gosto de cada vez fazer um voo mais razante. Na música, inclusive, estou muito surpresa e feliz com o retorno da minha obra fonográfica, meu repertório dos anos 80, infantil, romântico, pop e gospel. Todos estão nas melhores plataformas digitais. Então pretendo sempre fazer coisas novas, me reinventar. Um dia quem sabe, como atriz. Apresentar e cantar é igual andar para frente.
O Canal: se Silvio Santos chamasse você para conversar sobre um programa solo, tem alguma ideia de como gostaria que fosse?
Acredito que esses assuntos tem que ser com a direção artística da emissora, Pellegio, Leon, Sr. Parada, Maysa Alves. Renata Abravanel, enfim mas com certeza o Silvio está vivíssimo e tem que dar palpites e o “OK” para tudo. Mas será um programa com sucesso comercial e muita audiência, porque vamos combinar, a audiência me ama, comentou, rindo.

O Canal: recém chegada a casa dos 50, o que você sente quando olha pra sua carreira nas últimas décadas? A Mara de hoje teria algum conselho para a Mara do passado, ainda começando carreira?

Mara: “Hoje me sinto uma mulher literalmente madura, de corpo mente e espírito. Claro, profissionalmente também. Acho que antes de ser uma grande profissional, temos que ser humanos evoluídos. Procurar a evolução sempre”. comenta.
“Hoje cuido muito da minha saúde, tomo muita água, tomo sol, pratico diversas atividades físicas, hidroginástica, durmo bem. Minha alimentação é super saudável, porque eu vinha brigando com a balança, agora não. Agora eu mantenho o meu peso ideal. Por isso estou sempre procurada por produtos relacionados a produtos de bem-estar”, completou.

O Canal: existe algo que você queira fazer nessa sua volta ao Focalizando de diferente do que você fez na última vez?

Mara: “Muita gente, jornalistas, comentaram sobre desentendimento, mas na verdade a gente tem que estar bem. Eu estava com problemas na minha coluna. Eu volto a ser autentica, que eles chamam de polêmica. Não vou abrir mão da minha autenticidade, disse.
Em todo lugar que eu vou comentam que estão vendo o Fofocalizando depois que voltei. Sentiram a minha falta, né? Indagou.

O Canal: sua participação na A Fazenda foi inesquecível. Após tantas polêmicas, você aceitaria participar de algum reality show de confinamento? Power Couple Brasil, por exemplo?

Mara: “olha gosto de reality como telespectadora inclusive, não assisto muito novela e sim reality show. Para mim A Fazenda foi uma experiência dolorida, porém enriquecedora”, comenta.
“Depois que voltei para o SBT fui convidada para fazer o Power Couple, mas o SBT não liberou! Posso garantir que estou muito feliz de estar no SBT, mesmo não estando no ar, afinal ali é a minha casa”, finalizou.

O Canal: com milhares de fãs e haters nas redes sociais, como você reage contra os ataques virtuais? Você já evitou de falar ou compartilhar opiniões para não sofrer com comentários de haters?

Amo os haters, amo os que me perseguem, eles são meus maiores divulgadores, no final eles me promovem! Tiro de letra agora!
[ngg src=”galleries” ids=”4″ display=”basic_thumbnail”]

O Canal: Queridinha do Silvio Santos, como é sua real relação com o patrão? Ele já te deu bronca ou conselhos?

Mara: “várias broncas e vários conselhos, tenho um verdadeiro amor platônico, mas ser a Maravilha do patrão gera muita inveja também, mas estou blindada pelo sangue de Jesus! Ele é a minha faculdade e pós graduação profissional”, revelou.

O Canal: suas músicas estão fazendo a maior nostalgia nas plataformas digitais de músicas. Isso te anima a lançar novas canções? Existe algum desejo para a carreira musical?

Mara: “A música jamais será descartada na minha vida, estarei louvando até a eternidade! Fiquei muito feliz com a Tata Werneck e a Débora Secco terem me citado no Lady Night, dizendo que as minhas musicas embalaram a sofrência da infância delas! Achei o máximo! [risos]”, comenta, com empolgação.
“Todo meu repertório musical encontra se disponível nas melhores plataformas digitais, ali você encontra mais de 500 musicas gravadas: infantis, românticas, gospel! Tem para todo gosto e público, afinal a musica ultrapassa fronteiras!”, completa.
“Mas vem novidades aí! Em breve, ainda esse ano, lanço musicas novas!”, revela”.

O Canal: fora da TV, como é sua vida pessoal? Seus hobbies e rotina?

Mara: “tenho ficado cada vez mais disciplinada com horário, para dormir, levantar, fazer minhas atividades físicas, cuidando sempre do corpo, mente e espírito! Leio muito, me aprimorando na fé cada vez mais, indo à igreja, lendo a Bíblia e praticando o amor que é o principal”, comenta sobre a rotina.
“Graças a Deus não paro, estou sempre trabalhando, sempre gravo minhas ações publicitárias, todas aprovadas por mim, produtos de muita qualidade: colchão, suplementos, cosméticos, área alimentícia, roupas, bolsas! Amo e é um sucesso, faço com muita vontade e os resultados positivos naturalmente veem!” finaliza a entrevista em alto astral.

Comente com seu Facebook

2 Comentários

2 Comments

Escreva sua Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Famosos

Latino escancara briga com Anitta e detona crueldade: “Me levou lá pra me humilhar”

Publicado há

em

O cantor Latino (Foto: Reprodução)

O cantor Latino (Foto: Reprodução)

No último dia 14, o cantor Latino foi o grande convidado do podcast No Flow e deu o que falar. Durante o bate-papo, o intérprete de ‘Festa no Apê’ fez questão de expor a mágoa que mantém de Anitta desde que, segundo ele, foi humilhado por ela.

+ Xuxa escandaliza ao vivo na Globo e reclama do sistema do BBB21: “Muito chato”

+ Maju assume dor devastadora no comando do Jornal Hoje: “Cenário ainda pior”

Na ocasião, o carioca relembra que estava em uma balada com Nego do Borel, que até então também era amigo da famosa, e foi convidado por ela para uma festa em sua mansão. Contudo, ao chegar no local, ele teria sido menosprezado por ela em uma conversa em inglês com convidados do exterior.

“Achei gentil da parte dela. Alguns anos atrás, ela tinha cantado num aniversário meu, eu praticamente lancei ela nessa festa. Foi um pedido da Kamilla (Fialho), sua empresária na época. Já na casa dela, chegaram uns grigos e comecei a desenrolar com eles, ofereci bebida e depois Anitta apareceu com aquele jeito dela, espalhafatosa”, inicia Latino.

Em seguida, o cantor explica qual foi o momento onde se sentiu humilhado: “Aí um dos gringos perguntou quem eu era. Em inglês, achando que eu não estava entendendo, ela respondeu que eu era um artista brasileiro, meio que desmerecendo, desdenhando. Depois, ela falou uma coisa que me deixou muito chateado. Disse que eu era uma cara da velha guarda, que tinha feito muito sucesso no passado e que estava tentando voltar”.

Latino foi embora chorando

Ainda no podcast, Latino abriu o coração e revelou ter chorado ao ir embora da casa de Anitta. “Nego veio me perguntou por que eu já estava indo e respondi o que eu tinha ouvido. Fui bolado para o carro, confesso que chorei, fiquei tristão. Ela tinha me levado lá para me humilhar. Fui humilhado e fiquei pensando como um ser humano pode mudar tanto”.

Latino se sentiu humilhado por Anitta (Foto: Reprodução)

Latino se sentiu humilhado por Anitta (Foto: Reprodução)

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Famosos

Celso Zucatelli apresentará novo projeto da Record; saiba mais

Publicado há

em

Celso Zucatelli apresentará novo programa da Record. (Foto: Gustavo Arrais/Divulgação)

Celso Zucatelli apresentará novo programa da Record. (Foto: Gustavo Arrais/Divulgação)

Em casa e se recuperando ainda da Covid-19 que o hospitalizou por mais de 10 dias, Celso Zucatelli foi o nome escolhido pela Record para comandar um novo programa da emissora. Trata-se do Quilos Mortais, trabalho feito em parceria entre a emissora do bispo e o canal Discovery.

+ Saiba os planos da Globo para Luciano Huck em 2021

O programa, como o nome sugere, terá a Obesidade como temática chave, acompanhando o dia-a-dia de pessoas que lutam contra a doença e tentam enfrentar isso no seu dia-a-dia. A empreitada vai mostrar histórias de superação e como estes homens e mulher encontraram forças para lutar e vencer a doença.

O formato já é conhecido pelos espectadores da TV paga, devido a versões estrangeiras, costumeiramente exibidas na tv basileira. Agora, quando Zucatelli estiver recuperado, ele ganhará sua própria versão brasileira.

Celso Zucatelli comemora evolução de tratamento, após fisioterapia

Com seus 48 anos, Celso Zucatelli continua em seu tratamento contra a Covid-19. Celso ficou 10 dias internado e recebeu alta no dia 31 de março, no Hospital Albert Einstein.

Em seu Instagram, na última semana, Zucatelli comemorou seu avanço, dizendo que tem sentido no fôlego e na voz após as sessões. E em casa, ele ainda continua fazendo fisioterapia respiratória. “Passando para o próximo nível da fisioterapia respiratória”, disse.

“Hoje consegui fazer uma parte na minha bicicleta. Foco no fôlego e na voz. Esta doença não é brincadeira, gente. Por favor, cuide de você, cuide dos outros. Vamos vencer, com fé em Deus!”, publicou Celso Zucatelli, nas redes sociais.

O apresentador ainda contou que contraiu a doença no dia 19 de março. Celso contou também que ficou isolado em casa seguindo as orientações médicas, e estava sentindo poucos sintomas. No dia que isso ocorreu, ele postou: “Bom dia, gente querida. Eu esperava tomar a vacina antes disso, mas não deu tempo. Positivei para a Covid-19”, antes de ter piorado sua saúde e precisar ser internado.

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

Famosos

Saiba os planos da Globo para Luciano Huck em 2021

Publicado há

em

Luciano Huck comanda o Caldeirão do Huck na TV Globo (Foto: Reprodução)

Luciano Huck comanda o Caldeirão do Huck na TV Globo (Foto: Reprodução)

Como já noticiado por O Canal, a Globo já bateu o martelo e escolheu o futebol como o substituto de Faustão na faixa noturna da emissora em 2021.

Se nada mudar até lá, de acordo com a coluna de Flávio Ricco, os jogos ocuparão o horário das 18h a fim de evitar que um novo programa de entretenimento seja rejeitado devido a mudança brusca. Porém, mesmo com a ideia sendo levada adiante, a emissora ainda não desistiu da ideia de ter Luciano Huck aos domingos.

+ Salve Jorge! Relembre curiosidades da novela das 21h que homenageou São Jorge

Seu programa, contudo, deverá ser exibido na faixa das 15h ou das 16h. Tudo ainda depende tanto da vontade do apresentador em assumir o dia quanto do mercado publicitário. Luciano Huck ainda não se decidiu, oficialmente, se abandonará a ideia de concorrer a presidência da república e migra para o principal dia do entretenimento da Rede Globo.

Domingos da Globo em 2021 além de Huck

De acordo com informações do jornalista Flávio Ricco, do portal R7, a Vênus Platinada cederá o espaço ao futebol na faixa das 18h às 20h. A estratégia visa evitar a possível rejeição a outro apresentador, diante da tradição criada por Faustão aos domingos durante as últimas três décadas na Globo.

A emissora não quer correr o risco de colocar uma nova atração no ar e ver o público se dispersar entre as concorrentes. Dessa forma, após algumas negociações com as federações e a CBF, o martelo foi batido entre a alta cúpula para o horário do apresentador.

Enquanto isso, emissora e Walcyr Carrasco são julgados em ação de plágio

O autor Walcyr Carrasco e a Rede Globo podem adicionar mais uma absolvição a lista de processos por plágio movido contra as tramas do autor que foram absolvidas. As informações são do portal Tv e Famosos, do UOL. Segundo a publicação, ambos (autor e emissora) foram considerados inocentes de mais uma ação do tipo.

O processo de uma autora acusava Walcyr de ter plagiado a lenda do João de Barro durante a execução de “O Outro Lado do Paraíso”, novela protagonizada por Bianca Bin, que foi ao ar em 2017 na faixa das 21h da Globo. O pedido por condenação e por indenização foi negado.

Ambos, Globo e Walcyr Carrasco, se defenderam elencando as diferenças entre a lenda e a novela e apontando que sua inspiração é, na verdade, na obra clássica “O Conde de Monte Cristo”, de Alexandre Dumas.  A juíza do caso deu ganho aos reús, afirmando que não havia sinais de plágio na obra e que os temas comuns em ambas eram temas presentes no cotidiano e usados na maioria das produções como machismo e triângulo amoroso.

Judicialmente, a Globo e Walcyr também já haviam sido acusados de plágio durante Alma Gêmea.

Comente com seu Facebook

CONTINUE LENDO

⚡EM ALTA